12 dezembro 2011

Reflita

Para os aspirantes a PF, posto um texto que reflete um pouco do que ouço das pessoas de dentro do DPF. Não tenho a intenção de desestimular ninguem, apenas acho que todos devem saber onde estão pisando. Abçs! (com direito a mais uma foto da Mari...to ficando boa nisso rsrsrs)



'Ser policial é viver sob o fio da navalha. É viver entre o excesso e a omissão, entre o amor e o ódio.
Se é um sonho, corra atrás.
Não só na PF, mas em qualquer carreira, vc vai sofrer decepções. O Brasil não é um país que valoriza policial. As leis atuais mais PROTEGEM O bandido que o defensor da lei.
Então meu amigo, analise os prós e os contras pra amanhã não ser mais um arrependido dentro do DPF.
Já não somos os melhores salários do governo federal.
Esse negócio de aptidão é balela.
A grande maioria entra no DPF pelo prestígio que o órgão tem e pelo salário que apesar de defasado ainda é um dos melhores.
Uma coisa é fora, outra, dentro do DPF.
Fora o sonho é estar dentro, botar roupa preta com nome dourado, se imaginar nas telas de TV combatendo o crime.
Na prática, muitos acabam esquecidos nas froteiras, morando el lugares indesejados e que raramente voltarão a viver na cidade que gostariam.
No entanto, se prepare.
A PF é uma torre de Babel.
Apesar da grandeza, do orgulho, é um dos poucos órgãos que conheci onde os maiores inimigos estão dentro do próprio ambiente de trabalho.
Vai ter muita gente perdendo uma boiada para que vc não ganhe um garrote sequer.
Tá dito! '
CLIFF

2 comentários:

  1. acredito que essa ideia deve ocupar o lugar do glamour e da beleza cinematográfica que impuseram à polícia nos últimos tempos, sem alardes, claro.
    mas, o candidato deve ser um pouco das verdades também, antes de se lançar à luta!
    bejo grande, mari!

    ResponderExcluir
  2. é isso aí Parceira!!!!

    tamo juntas

    ResponderExcluir