07 dezembro 2010

Centros Integrados da Polícia


Todas as capitais brasileiras devem ter centros integrados de comando das polícias, segundo infomrou a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), que pertence ao Ministério da Justiça. O governo federal já havia anunciado que as 12 cidades-sede da Copa do Mundo de 2014 terão estes centros até o final de 2012.

Em entrevista ao site "G1", o major Alessandro Aragon, subsecretário nacional de Segurança Pública avisou que até o começo do próximo ano, todos os termos de referência para construção dos centros devem ser assinados, com isso, será oficializado o trabalho conjunto das forças estaduais e federais. Em cada centro terão oficiais de todas as forças: Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e Forças Armadas; a estadual contará com Polícia Civil e Militar, e a municipal com a guarda civil.

As 12 cidades-sedes que vão receber os centros até 2012 são: Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Porto Alegre, Brasília, Cuiabá, Curitiba, Fortaleza, Manaus, Natal, Recife e Salvador. De acordo com os termos do convênio, o governo federal será responsável pelos equipamentos dos órgãos e o estado vai arcar com os custos da construção.

Segundo a Empresa de Obras Públicas do Estado do Rio de Janeiro (Emop), as obras tiveram início em outubroe devem terminar em julho de 2011. O Centro Integrado de Comando e Controle do Rio de Janeiro ficará na capital e vai custar R$ 36 milhões. O prédio tem quatro andares e vai abrigar o teleatendimento da Polícia Militar (190), do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, o Samu (192), Corpo de Bombeiros (193), Polícia Civil, Defesa Civil municipal, Guarda Municipal, Polícia Rodoviária Federal e CET-Rio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário