09 junho 2010

ESTATÍSTICAS

O último concurso para a policia federal ocorreu em 2009 com 400 vagas para o cargo de Escrivão e 200 vagas para Agente, aos demais cargos, prevalece o jejum, que já dura 6 longos anos.

Noticias de um novo concurso estão sempre pipocando por ai, mas com exceção das 100 vagas pedidas para Papiloscopista, pouco se tem de concreto nas noticias.

Em se tratando de estatísticas, de acordo com dados enviados pela CESPE ao DPF, o índice de candidatos por vaga dos concursos de 2004 (regional e nacional) foi muito alto para todos os cargos, mas a aprovação...nem tanto.

Nacional 2004

Cargo

Vagas

Inscritos

Demanda

APF

1.208

67.807

56.13

DPF

422

45.704

108.30

EPF

491

19.762

40.25

PCPF - Área 1

78

6.245

80.06

PCPF - Área 2

47

3.895

82.87

PCPF - Área 3

84

9.032

107.52

PCPF - Área 4

19

1.861

97.95

PCPF - Área 5

10

544

54.40

PCPF - Área 6

34

3.159

92.91

PCPF - Área 7

35

4.439

126.83

PCPF - Área 8

13

3.529

271.46

PCPF - Área 9

14

6.75

48.21

PCPF – Área 10

11

19.44

176.73

PCPF - Área 11

5

5.339

67.80

PCPF - Área 12

5

2.016

403.20

PCPF - Área 13

5

3.574

714.80

PCPF - Área 14

13

3.076

236.62

PCPF - Área 15

11

1.911

173.73

PCPF - Área 16

5

1.073

214.60

PCPF - Área 17

5

140

28.00

Regional 2004

Cargo

Vagas

Inscritos

Demanda

APF

6 7 2

17661

26.28

DPF

1 8 9

9830

52.01

EPF

2 1 9

5575

25.46

PCPF - Área 1

2 7

1008

37.33

PCPF - Área 2

1

85

85.00

PCPF - Área 3

21

1097

52.24

PCPF - Área 4

5

258

51.60

PCPF - Área 5

21

1097

52.24

PCPF - Área 6

5

64

12.80

PCPF - Área 7

11

581

52.82

PCPF - Área 8

7

380

54.29

PCPF - Área 9

9

165

18.33

PCPF - Área 10

1

85

85.00

PCPF - Área 14

5

173

34.60

PCPF - Área 15

1 3

322

24.77

Índice Geral de Aprovação

Cargo

Vagas

Aprovados

Convocados

Nomeados

Convocados CFP

DPF

607

989

979

587

147**

PCF

506

1.268

800

500

210**

APF *

1.866

3.353

3.353

2.196

-

EPF

705

952

952

444

-

PPF

337

368

356

337

-

* Autorização de convocação de excedentes publicada por intermédio da Portaria nº 103 de 09/05/2008, do MPOG, no DOU do dia 12/05/2008

** Autorização de convocação de excedentes publicada por intermédio da Portaria nº 20 de 04/02/200, do MPOG, no DOU do dia 06/02/2009.

Assusta pensar em competir com tanta gente, mas as estatísticas mostras que a cada 100 candidatos inscritos em um concurso, apenas 12,5 estão, de fato preparados para realizar as provas. Com estatísticas como essas em um concurso como o do DPF, com diversas etapas, não é de se impressionar que sobrem vagas para alguns cargos.

Segundo o Diretor Geral da Policia Federal a idéia é se fazer um concurso a cada ano, sempre com prazos de validade curtos . Se for realmente esse o plano, tem bomba vindo por ai. Quanto mais comuns ficarem os concursos, mas pessoas vão tentar e mais candidatos irão engordar as estatísticas.

Preparação e dedicação...esse é o segredo. E, como sempre, “

4 comentários:

  1. Se você dividir a última prova de APF em duas partes por exemplo:

    1-Português (26 questões-21,66%), Direito ( penal 9-7,5%, processual 9-7,5%, administrativo 5-4,16%, constitucional 5-4,16%, LEP 6-5%, Total 34 questões-28,32%), Informática (14-11,16%) e Administração ( 10 questões-8,33%, sendo 8 de AFO-80% e 2 Comportamento Organizacional-20%)

    Só nestas matérias somou 84 questões-70% da prova.

    2- Atualidades,RL, economia e contabilidade no total são 9 questões cada matéria,36 no total e 30% da prova.

    ResponderExcluir
  2. Oi Bruno.
    Interessantes suas estatísticas. Se me permite, sugiro que faça a mesma análise porém, em relação aos itens que mais são abordados na prova.

    Por exemplo:
    No concurso regional de 2004 para Perito Criminal Federal área 8, a prova constava de 120 questões. Estas são divididas em duas áreas, geral e específico.
    Das 120, 50 questões são de português, Raciocínio lógico, atualidades e informática.

    As 70 restantes são de assuntos da área específica de formação (biologia e biomedicina)divididas em 24 itens.

    Dos 24 ítens, alguns se destacam. Por exemplo, o item 18 que aborda o Monitoramento Ambiental foi tema de 19 questões da prova.
    Destas 19,14 questões abordavam o sub item 18.5 que retrata a Avaliação de Impactos ambientais.

    Analisando assim, em um total de 70 questões, 27% delas fala de Monitoramento ambiental. Dentre esses, 74% destes falam de Impactos Ambientais, somando para esse sub-item 20% das questões específicas e 11,6% do total da prova.
    Ou seja, é um tópico que deve ser visto muito a fundo.

    ResponderExcluir
  3. Verdade, vou ver se faço ou consigo achar algo relacionado a estatísticas por itens das matérias como você fez. Depois posto aqui as coisas mais interessantes.

    Você está estudando para Perito em Biologia? Estou certo?

    Grande abraço

    ResponderExcluir
  4. Certíssimo, se tudo der certo serei Perita Criminal Federal e atuarei na área de Meio Ambiente.

    Quanto às estatísticas das questões, sugiro que as faça você mesmo. É uma ótima maneira de estudar e, acima de tudo, compreender o modo de cobrar a matéria de cada conteúdo.

    Acredito que tudo na vida é uma questão de ponto de vista. Cada um vê e entende o que quer. Saber entender a mente e o raciocínio que esperam que tenha é fundamental para fazer a prova.

    Pense comigo, a matéria vc sabe então o que precisa fazer é pensar como eles (CESPE e DPF) para poder responder a questão utilizando o máximo possível de tudo que aprendeu. Se puder saber como seu inimigo pensa, com certeza estará sempre um passo adiante dele.

    Abraços!

    ResponderExcluir